O que significa ser especial?

Postagens em Redes Sociais

Muitas pessoas são bem chamativas. Elas acham que são bem mais importantes do que as outras, bem mais superiores, bem mais valiosas… Outrossim, é verdade que todo mundo possui seu valor, como indivíduo. Mas de onde vem a nossa especialidade?

Universo

Já ouvi uma frase bem interessante, embora não lembre agora o nome do autor, que dizia que “o cérebro humano é o único órgão no Universo conhecido que tenta entender a si mesmo”. Isto é o que torna o ser humano especial e único: a capacidade de pensamento de cada um.

A comprovação do pensamento acima é que, na verdade, o nosso corpo é mutável o tempo todo, continuamente. Algumas partes do corpo de uma pessoa de 30 anos, por exemplo, não possuem nem 5 anos. Isto significa que o corpo que temos hoje não será o mesmo corpo de daqui a 5 ou 10 anos. Ou seja, se nós fôssemos apenas o corpo, seríamos várias pessoas em diferentes épocas. Você não consegue notar diferenças em si próprio com o passar do tempo?

De modo que os nossos pensamentos, a nossa personalidade, a forma como lidamos com o mundo exterior a nós, é o que nos representa melhor como indivíduos. Cada pessoa representa uma imagem única, uma formulação única do Universo dentro de si. É como se o Universo todo existisse apenas por causa de nossa percepção. Que sentido haveria para a existência do Universo não fosse a nossa percepção desta existência?…

Então, sinta-se mais elevado, ou enaltecido, por assim dizer, em saber que todo o Universo foi produzido, ou se produziu (não falo de crenças), para a sua percepção! Sem a nossa percepção do Universo, sem a nossa existência no Universo, ele seria apenas “um Universo”, sem os “EUs” para observá-lo… Esta filosofia pode parecer egoísta (no sentido próprio da palavra), mas, pensando bem, ela é realmente a mais altruísta das filosofias. Por quê? Pelo simples fato de que, reconhecendo a pessoa que existe um Universo em sua mente, outras pessoas também devem possuir a sua percepção universal. Trata-se do reconhecimento, apreensão e absorção dos outros ao redor por meio da equiparação do “nós”. É como se uma percepção do Universo, única, não pudesse ou não tivesse o direito de querer se sobrepor às demais. É simples assim: cada pessoa sendo especial por possuir a sua própria visão de todas as coisas que existem…

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: